INSCRIÇÕES CADASTRO ÚNICO 2016 – CADÚNICO





O Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) é uma ferramenta de coleta de dados governamental, com o objetivo de coletar dados e informações e assim identificar todas as famílias de baixa renda existentes no país para fins de inclusão em programas de assistência social e redistribuição de renda. Criada em 2001 o Cadastro Único 2016 tem ajudado milhares de famílias brasileiras, através dele as famílias tem acesso a diversos programas sociais tais como, Bolsa Família, Telefone Popular e muito mais. As Inscrições Cadastro Único 2016 são realizado através do cadastramento no nome do titular da família, esta pessoa será responsável por prestar as informações da família. O titular do cadastro pode ser qualquer membro da família que seja maior de 16 anos, que possua CPF e titulo de eleitor.



INSCRIÇÃO CADASTRO ÚNICO 2016

O cadastramento das famílias é executado diretamente pelos municípios e os cadastros são processados pelo Agente Operador do Cadastro Único 2016. As etapas para as Inscrições Cadastramento Único 2016 são as seguintes: identificação das famílias que devem ser cadastradas, coleta de dados (que é realizada através entrevista) inclusão de dados no sistema e atualização ou revalidação do cadastro. As principais informações para a seleção dos candidatos são as seguintes:

 

  • Características do domicílio (número de cômodos, tipo de construção, tratamento da água, esgoto e lixo);
  • Composição familiar (número de membros, existência de gestantes, idosos, mães amamentando, deficientes físicos);
  • Identificação e Documentação civil de cada membro da família;
  • Qualificação escolar dos membros da família;
  • Qualificação profissional e situação no mercado de trabalho;
  • Renda Familiar;
  • Despesas familiares (aluguel, transporte, alimentação entre outros).

Após o cadastramento o município faz visitas regulares a os beneficiários do programa, a inscrição cadastro único também é realizada através das visitas domiciliares do município. Já as famílias interessadas e que não receberam as visitas, podem procurar um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) no município e solicitar o cadastramento. Um dos requisitos do programa, é  que o valor por integrante familiar não ultrapasse meio salário mínimo mensal (R$ 440,00) ou que a renda total familiar não ultrapasse 3 salários mínimos (R$ 2640,00). Através do Cadúnico 2016 a família tem acesso a diversos programas sociais: Bolsa família, Programa Minha Casa Minha Vida, Bolsa Verde, Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, Fomento, Carteira do Idoso, Aposentadoria para Pessoas de Baixa Renda, Programa Brasil Carinhoso, Programa de Cisternas, Telefone Popular, Passe Livre para pessoas com deficiência, Inserção de Taxas em Concursos Públicos entre outros.

 

A lista completa completa de documentos necessários para o cadastramento do programa CadÚnico 2016 pode ser visualizada no seguinte link:




mds.gov.br/documentos. Já para mais informações sobre o Cadastro Único 2016 o interessado pode se dirigir a o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do seu município, ou acessar o site oficial do programa mds.gov.br/assuntos/cadastro-unico.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.